fbpx O Uso da Neurobiologia na Psicoterapia para Perturbações de Personalidade | ULisboa

O Uso da Neurobiologia na Psicoterapia para Perturbações de Personalidade

O Uso da Neurobiologia na Psicoterapia para Perturbações de Personalidade
7 de Maio de 2021
17:00
Online

O Uso da Neurobiologia na Psicoterapia para Perturbações de Personalidade

Este webinar é uma iniciativa do Laboratório de Complementaridade Paradigmática, sob coordenação do professor Nuno Conceição, e apresentado pelo professor Ueli Kramer, no âmbito da sua estadia enquanto professor visitante da Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa, que em tempos de pandemia, assumiu formatos essencialmente digitais.

Share O Uso da Neurobiologia na Psicoterapia para Perturbações de Personalidade

O professor Ueli Kramer é uma figura proeminente no campo da integração em psicoterapia, em geral, e das perturbações de personalidade, em particular.  Este ano é o anfitrião da conferência internacional da SEPI – Society for the Exploration of Psychotherapy Integration, a acontecer em formato online também e que em 2019 decorreu nas instalações da Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa.

Investigação recente tem revelado um quadro cada vez mais diferenciado das bases neurobiológicas das perturbações de personalidade, bem como da mudança promovida com essa população através da psicoterapia (Marceau et al., 2019). Enquanto usar estes dados de investigação para a prática clínica é simultaneamente tentador e desafiante, importa que os psicoterapeutas compreendam estas mesmas bases neurobiológicas das perturbações da personalidade e da sua transformação. Isto é particularmente importante se partimos de uma perspetiva de mudança em psicoterapia baseada em mecanismos de mudança, em que os objetivos intermédios na mudança comportamental podem estar ligados a mudanças específicas no cérebro.  Este webinar vai rever as bases teóricas e a evidência empírica de três mecanismos de mudança à luz de uma perspectiva neurobiológica: a) processamento emocional, b) processamento socio-cognitivo e c) reconsolidação da memória e discutir estes processos com possíveis intervenções clínicas para pacientes que apresentam perturbações de personalidade.

Mais informações

1


NOTÍCIAS DA ULISBOA

Para que esteja sempre a par das atividades da ULisboa, nós levamos as notícias mais relevantes até ao seu email. Subscreva!

SUBSCREVER